Notícias

ENFERMAGEM DO CAPS AD III REALIZA ENCONTRO EM ALUSÃO AO DIA MUNDIAL DE COMBATE ÀS DROGAS

A dependência química é uma doença crônica e reincidente, caracterizada pelo consumo compulsivo de drogas. Dizer não a todo tipo de entorpecente é uma atitude de coragem e, mais ainda, de consciência pelo mal que ele pode causar à nossa saúde.

26 de junho é o Dia Mundial de Combate às Drogas. Para lembrar, técnicos de enfermagem e enfermeiro do CAPS AD III realizaram encontro de familiares e usuários do serviço com profissionais e outras pessoas da sociedade. O encontro foi realizado dia 28 de junho de 2018, idealizado pela técnica de enfermagem Rosa Maria da Costa Barboza, auxiliada por Lucas Vinícius Alves e pelo enfermeiro Frederico Jéferson, entre outros profissionais do serviço.

O encontro teve como objetivo: difundir informações sobre o uso de drogas lícitas e ilícitas, promover práticas de prevenção e acolhimento, mobilizar a comunidade para a participação nas ações de prevenção e enfrentamento às drogas lícitas e ilícitas e fortalecer os laços comunitários com o serviço. Durante o evento, o Cabo Mário Júnior da Polícia Militar, proferiu palestra com tema: “Quando a família chega perto, as drogas e a violência ficam longe” e o grupo “Sorrisos de Plantão” composto por acadêmicos da Favag, promoveu um momento com reflexão lúdica.

A Secretaria Municipal de Saúde alerta os pais para que sejam vigilantes com seus filhos, que jovens e adultos não se sintam seduzidos pelo prazer momentâneo que as drogas podem proporcionar. As drogas possuem substâncias que causam rápida dependência química. O vício dos entorpecentes, a exemplo da maconha, cocaína e crack, não conseguem ser tratados de forma isolada. Para o sucesso na redução de danos e tratamento do usuário são necessários força de vontade e ajuda de uma equipe multidisciplinar e profissional.