Notícias

Prefeito, Vice-prefeito e Secretário de Agronegócio vão a Brasília em busca de investimentos para Janaúba

Durante audiência com Ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento foram feitas diversas reivindicações, entre elas, a reabertura do frigorífico

O Prefeito Yuji Yamada, o Vice-prefeito Rodrigo Rodrigues, o Secretário Municipal de Agronegócio e Desenvolvimento Sustentável José Claudio de Azevedo e o deputado estadual Tadeu Martins Leite, foram a Brasília levar reivindicações para o Ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Antônio Andrade quanto à reabertura do frigorífico de Janaúba, a implantação de uma unidade da CEASA (Central de Abastecimento) e também da Companhia Nacional de Abastecimento (CONAB) no município. Durante a audiência com o Ministro, eles expuseram os temas debatidos e saíram confiantes do encontro visto que o mesmo comprometeu-se em se empenhar nestas questões.


A compra do frigorífico e sua consequente reabertura dependem do desmembramento da unidade de Janaúba, das demais unidades do Kaiowa que foram à falência. Segundo o vice-prefeito de Janaúba, Rodrigo Rodrigues, este desmembramento já foi solicitado à Justiça, e deve ser concretizado em 90 dias. “Já existem grandes grupos frigoríficos interessados na reabertura do Kaiowa. Para isso o município já solicitou a justiça o desmembramento que deverá ser feito no prazo de três meses. Entendemos que a reabertura do frigorífico será de grande importância para a economia de Janaúba e região, tendo em vista que ele beneficiará não apenas o município, mas sim, todo o Norte de Minas”.


O Ministro Antônio Andrade informou que assim que as questões legais que envolvem a massa falida do frigorífico Kaiowa, detentora da unidade em Janaúba forem resolvidas, ele se empenhará pessoalmente na sua abertura. O Secretário de Agronegócio frisou que essa reabertura tende a trazer desenvolvimento para a região, bem como a implantação de uma unidade da CEASA e da CONAB, sendo esta em definitivo. “Hoje temos um balcão de milho da CONAB que atende 18 cidades vizinhas e beneficiam agricultores da região. A reabertura do frigorífico irá representar mais crescimento para o Norte do Estado proporcionando geração de emprego e renda para pelo menos 30 municípios que serão atendidos. De tal forma buscamos também trazer para a cidade uma unidade do CEASA, uma vez que tais instalações proporcionarão o crescimento desta região”. Sobre a criação de unidades da CEASA, o ministro informou que vai determinar que sejam feitos estudos técnicos sobre a viabilidade da implantação. A reivindicação pelas unidades já havia sido feita anteriormente pelos vereadores Adauri Soares Cordeiro, Felipe Franklin Carvalho e Juscimar Gramelich dos Reis Mosquém (Farinheiro).