Notícias

Janaúba recebe balcão de Milho da Conab

Milho para produtores rurais subsidiado pelo Governos Federal e disponível para agricultores de Janaúba e cidades vizinhas.

Milho para produtores rurais, subsidiado pelo Governos Federal e disponível para agricultores de Janaúba e cidades vizinhas. Essa é a função do Balcão de Milho da CONAB, inaugurado em Janaúba na tarde de terça-feira, 28 de maio. A unidade instalada na rua Sinfrônio Cangussu, entre os bairros Padre Eustáquio e Gameleira é resultado do empenho do Sindicato Rural de Janaúba, da Associação dos Sindicatos dos Produtores Rurais do Norte de Minas e do Vale do Jequitinhonha (ASPRONORTE) juntamnete com a Prefeitura Municipal de Janaúba através da Secretaria Municipal de Agronegócio e Desenvolvimento Sustentável. O balcão irá beneficiar o município de Janaúba e mais 19 cidades vizinhas com a distribuição de milho feita aos agricultores.


Antes da implantação do galpão em Janaúba a distribuição desse milho ocorria em Montes Claros e Teófilo Otoni. Para descentralização dessa distribuição visando a melhor divisão do milho/balcão controlado pela CONAB o presidente do Sindicato Rural e da ASPRONORTE, José Aparecido Mendes encaminhou ao Governo Estadual o pedido da instalação de balcões no Norte de Minas e Vale do Jequitinhonha. Tendo seu pedido aceito tanto pelo Governo Estadual quanto Federal, e alinhado com a Secretaria de Agronegócios, ele explica que além de Janaúba mais sete municípios do estado serão beneficiados. “ O governo fará a distribuição do milho por intermédio de mais cidades pólos do Norte de Minas e do Jequitinhonha. A CONAB manterá unidades em mais sete localidades dessas regiões. Em Janaúba esse balcão já é realidade e representa ganho significativo para os produtores rurais que serão beneficiados”.


O galpão da CONAB em Janaúba terá o maior estoque entre as novas unidades com 2.250 toneladas. Esse milho será subsidiado a R$ 18,00 o saco de 60 quilos com o limite de até 3.000 (três mil) quilos por pequeno produtor; e de R$ 21,00 o saco de 60 quilos com limite entre 3.000 (três mil) quilos e 6.000 (seis mil) quilos para médio produtor. Na semana passada chegaram as cargas de milho a serem vendidas aos produtores da região por preço subsidiado e que já estão disponíveis. Durante a inauguração do Balcão, o Prefeito Yuji Yamada lembrou das dificuldades vividas pela população do Norte de Minas e reafirmou o compromisso da atual administração para melhorar a qualidade de vida do homem do campo. “Conheço os problemas enfrentados por todos que vivem no campo e sei que precisamos trabalhar para trazer melhorias para nossa região que passa por um período crítico em virtude da falta de chuvas. Por isso, nosso compromisso é buscar por inovações, investimentos e soluções para os problemas enfrentados pelos pequenos e médios produtores que tem sofrido diretamente com a seca que nos atinge. O balcão de milho da CONAB é por sua vez, resultado dessa busca por melhorias. Parabenizo a todos os envolvidos nessa conquista por trabalharem para o crescimento de nossa região e fortalecimento da nossa agricultura”.


O Secretário Municipal de Agronegócio e Desenvolvimento Sustentável, José Claudio de Azevedo aproveitou a oportunidade para lembrar que o Balcão de Milho da CONAB é oriundo de um trabalho em conjunto cujo objetivo maior é fortalecer a agricultura da região possibilitando acesso do produtor a condições de melhoria. Ele lembrou do esforço do Sindicato Rural de Janaúba, da ASPRONORTE e da Secretaria de Agronegócio para trazer o galpão para o Norte de Minas e Vale do Jequitinhonha. “Não poderia deixar de agradecer a todos que tanto se empenharam para que o Balcão de Milho da CONAB fosse instalado em Janaúba beneficiando mais de 19 municípios. Aos colaboradores da minha secretaria, que tanto se dedicaram, ao José Aparecido que conseguiu mais sete galpões para a região Norte e Vales, e ao prefeito que se mantém sempre disposto a nos ajudar, deixo o meu muito obrigado, por terem feito, a hora e a tempo, mais um grande feito para agricultura e para o agricultor norte-mineiro”,concluiu o Secretário.