Notícias

PREFEITURA DE JANAÚBA REALIZA MOBILIZAÇÃO CONTRA DENGUE, FEBRE CHIKUNGUNYA E ZIKA VÍRUS EM JANAÚBA

Com o intuito de mobilizar e conscientizar a comunidade para o controle e combate à Dengue, Febre Chikungunya e Zika Vírus, doenças causadas pelo mosquito Aedes Aegypti, a Prefeitura de Janaúba, através da Secretaria Municipal de Saúde, desenvolve a campanha Janaúba contra a Dengue: Responsabilidade de Todos. A campanha tem como objetivo sensibilizar a sociedade para o combate aos focos do mosquito que, em 90 % dos casos, está dentro das residências.


 


Para intensificar a campanha, o município conta com o apoio da imprensa janaubense que, na manhã de terça-feira, 15 de dezembro, participou de uma coletiva de imprensa na sede da Secretaria Municipal de Saúde. Na oportunidade, o secretário Gilson Urbano, acompanhado por profissionais da saúde, falou sobre a campanha e apresentou a edição especial do Boletim Epidemiológico, que mostra o índice de infestação do mosquito na cidade.  Um Plano de Contingência para Enfrentamento das doenças causadas pelo mosquito também foi apresentado.


 


Nos dias 14 a 18 de dezembro a Secretaria Municipal de Saúde realizou uma abordagem em bairros da cidade a fim de visitar e avaliar as residências localizando possíveis focos. Em cada casa visita feita, a secretaria entregou aos moradores um calendário, cujo objetivo é lembrar a todos que o combate a dengue deve acontecer durante o ano todo. Um carro de som com orientações aos moradores de Janaúba circula pela cidade e tem como intuito, alertar a todos que, combater a dengue é um dever de toda a sociedade.


 


Para reforçar a o entendimento da população quanto a essa questão, a secretaria inova e promove o projeto Agente Mirim dentro das escolas da cidade. Esse projeto permite que as crianças do município sejam educadas quanto à necessidade de combater os focos do Aedes Aegypti e assim, evitar as doenças que ele pode causar. Para que o projeto aconteça, as escolas receberão a visita de profissionais do setor de Vigilância Ambiental e Endemias que orientarão os estudantes.  Esse trabalho permitirá que no próximo ano, ao retornarem das férias, os alunos continue essa batalha contra o mosquito.


 


A Dengue em Janaúba


Nos dias 10 e 11 de Dezembro foi realizado pelo setor de Vigilância Ambiental e Endemias, um Levantamento Rápido de Índices para Aedes Aegypti (LIRAa) extraoficial, no qual foi analisado momentaneamente o Índice de Infestação do Aedes Aegypti (Transmissor da Dengue, Febre Chikugunya e o Zika Vírus) em Janaúba. No município o índice de infestação alcançou 0,9 %, o que classifica a cidade com um baixo risco de transmissão, porém, alguns bairros apresentaram uma infestação maior, o que causa preocupação. Entre eles estão: Rio Novo, Veredas, São Lucas, Boa Vista, Esplanada, Nova Esperança, Santa Cruz, Santo Antônio, Vila Isaías e Planalto.


Para o secretário de saúde, Gilson Urbano, apesar de o município estar numa classificação baixa, conforme o LIRAa extraoficial, é necessário intensificar ações, voltadas para o combate e controle dos males. “A nossa preocupação é evitar a incidência dessas doenças, por meio da conscientização da população em longo prazo, como o calendário educativo distribuído nas visitas domiciliares”, explica.


Evitar a água parada, que os mosquitos usam para se reproduzir, ainda é a principal medida de prevenção. Em casa, é preciso limpar e eliminar a água parada em vasos, garrafas, pneus e outros objetos que possam acumular líquido, colocar telas de proteção nas janelas e instalar mosquiteiros na cama também são medidas preventivas. Em caso da detecção de focos de mosquito que o morador não possa eliminar, é importante acionar a Secretaria Municipal de Saúde.