Notícias

Prefeitura de Janaúba inicia estudos para otimizar o trânsito da cidade

Na terça-feira 19, a prefeitura de Janaúba recebeu profissionais da empresa Consult Engenharia para debater sobre o trânsito na cidade.


O primeiro passo a ser dado pela prefeitura, de acordo com Rodrigo Gonçalves Lima, especialista em trafegabilidade e acessibilidade da Consult Engenharia é a inserção do município no Sistema Nacional de Trânsito (SNT) e em seguida é interessante proceder a municipalização do setor.


Para Rodrigo, quando uma prefeitura municipaliza esse setor habilita-se a exercer as competências legais, assumindo integralmente a responsabilidade pelos serviços de: Engenharia de Tráfego e de Campo, Fiscalização, Controle e Análise de Estatística e Programa Municipal de Educação de Trânsito.


Segundo ele, ao assumir a gestão do Trânsito, o Município não só ganha o direito de implementar o setor, como também poder para solucionar diversos tipos de problemas locais e propiciar uma melhoria na qualidade de vida da população, com vistas à acessibilidade.


Diretrizes da Confederação Nacional de Trânsito (CNT) apregoam que ao inserir o Município no Sistema Nacional de Trânsito (SNT), permite à gestão local um Desenvolvimento Urbano da cidade com políticas mais sensatas e mais humanas no que se refere à circulação de ônibus, sinalização e orientação de trânsito, operação de carga e descarga, aperfeiçoa a regulamentação de táxis, adequa os espaços para deficientes e outros assuntos.


De acordo com Rodrigo Gonçalves a adesão ao SNT habilita o município a firmar convênios com os governos e também com instituições internacionais.


Para melhorar a difícil situação do trânsito em Janaúba o prefeito Yuji Yamada trabalha para:



  • Criar uma equipe de engenharia de tráfego.

  • O Conselho Municipal de Trânsito.

  • Criar um corpo de agentes civis municipais responsáveis pela fiscalização do trânsito.

  • Assumir integralmente a responsabilidade pela análise e controle de dados estatísticos relativos ao trânsito municipal.