Notícias

Nota de esclarecimento – Atraso na entrega de medicamentos pela Secretaria de Estado de Saúde

A Secretaria Municipal de Saúde informa que medidas foram tomadas para suprir a falta de medicamentos, distribuídos pela Secretaria de Estado de Saúde aos municípios nas Unidades de Saúde. Uma compra emergencial será efetuada, para um estoque de até 60 dias, até que a situação da Secretaria de Estado se resolva.


Os novos pedidos de medicamentos para atenção básica serão feitos de modo emergencial e com urgência na entrega. De acordo com a Secretária Municipal de Saúde, Cecília Moreira Freitas, a compra será feita a curto prazo, por meio de recurso federal do Programa Nacional de Melhoria do Acesso e da Qualidade da Atenção Básica (PMAQ).


A medida se deve ao atraso na entrega dos medicamentos referentes ao primeiro ciclo de 2017, ocasionado pelo não pagamento aos fornecedores por parte do governo do estado. Em comunicado enviado à Secretaria de Estado de Saúde por uma das empresas fornecedoras dos medicamentos, todas as entregas previstas para o primeiro ciclo foram suspensas por um determinado período de tempo.


A Secretaria Municipal de Saúde reconhece e entende a revolta da população e espera que a demanda do estado com os fornecedores seja sanada o mais rápido possível.